Seminários

Próximos seminários

Palestrante: Paulo Vitor Itaboraí
Data e hora: seg, 20/08/2018 - 17:00
Local: Auditório Antonio Gilioli - Bloco A
Resumo: Neste seminário será aprentada uma visão geral a respeito da teoria de controle aplicada à vibrações acústicas com o objetivo de controlar ressonâncias, parciais e decaimentos de um instrumento musical acústico (preparado), em tempo real. Em particular, o foco será em discutir a estabilidade de um sistema de controle via Feedback, possíveis aplicações em instrumentos aumentados e em design de novos instrumentos musicais.

Seminários passados

Palestrante: Guilherme Feulo e Micael Antunes
Data e hora: seg, 25/06/2018 - 17:00
Local: Auditório Antonio Gilioli - Bloco A
Resumo: Este seminário tem como foco a apresentação de um algoritmo que modela a dissonância sensorial a partir de um filtro de bandas críticas, baseados nas experiências de minimização de dissonância de William Sethares e John Pierce. O seminário começará com uma revisão histórica do termo dissonância, buscando definir o que entendemos por dissonância sensorial, seguido de uma apresentação da evolução dos modelos de dissonância, de Helmholtz a Vassilakis. Apresentaremos um estudo detalhado de um espectro gerado a partir do algoritmo em questão, apontando soluções e limitações da técnica de geração de espectros. Por fim, exporemos exemplos musicais que utilizam a técnica de modelagem da dissonância para fins de processos criativos.

Palestrante: Rodrigo Borges
Data e hora: seg, 18/06/2018 - 17:00
Local: Auditório Antônio Gilioli - Bloco A
Resumo:

Sistemas personalizados de recomendação de música operam geralmente recomendando itens para um determinado usuário de acordo com seus dados históricos de escuta. Essa abordagem porém apresenta um caráter guloso a longo prazo pois recomenda itens mais consumidos com maior frequência e deixa de explorar novas possibilidades.

Nesse seminário apresentamos uma estratégia que procura amenizar esse problema balanceando segurança (exploitation) e novidade (exploration) no ato da recomendação. O sistema de recomendação é comparado a um conjunto de máquinas de caça níquel em um problema conhecido como multi-armed bandit da área de aprendizagem reforçada. Alguns resultados práticos extraídos da literatura são apresentados como tendo sido bem sucedidos em situações de recomendação de longo prazo e em situações de novos itens inseridos na base de dados.

Palestrante: Fábio Goródscy
Data e hora: seg, 04/06/2018 - 17:00
Local: Auditório Antonio Gilioli, IME/USP
Resumo:

Mostraremos técnicas para processamento de gravações cantaroladas com intuito de cálcular níveis de similaridade entre a melodia cantada e arquivos MIDI. Este tipo de processamento é interessante para aplicações de consulta cantarolada, onde um usuário cantarola uma melodia a partir da sua memória e o computador associa melodias encontradas em um repertório de arquivos MIDI, para que o usuário tenha a possibilidade de descobrir mais informações sobre a melodia de sua cabeça.

Teremos uma breve revisão bibliográfica e teremos exemplos de transcrição usando algoritmos como Melodia e ASyMuT. Comentaremos sobre métricas de comparação e veremos alguns resultados gerados com as técnicas apresentadas.

Palestrante: Marcos Leal (mleal@ime.usp.br)
Data e hora: qui, 24/05/2018 - 16:00
Local: Auditório Antonio Gilioli, IME/USP
Resumo: Redes Neurais são modelos de aprendizado de máquina extremamente populares na atualidade. Nesse seminário iremos dar uma pincelada histórica nas origens desse modelo, discutir os problemas que o levaram a ser abandonado por anos, apontar as soluções para então discutir as diversas arquiteturas da atualidade com foco em Redes Neurais Convolucionais. A expectativa desse seminário é dar uma visão geral do funcionamento das redes neurais, transmitir o que o processo de convolução espera no contexto de redes neurais e discutir os aspectos onde esse modelo apresenta aplicabilidade no contexto de Computação Musical.

Tags: neural networks, cnn, convolutional neural networks, computer music

Palestrante: Giuliano Mega e Daniel Cukier (Playax)
Data e hora: seg, 21/05/2018 - 17:00
Local: Auditório Antonio Gilioli, IME/USP
Resumo:

Índices de popularidade são instrumentos tradicionalmente utilizados na indústria da música para a comparação de artistas. Apesar da ampla aceitação, pouco se conhece a respeito da metodologia que embasa tais índices, o que os torna instrumentos por vezes difíceis de compreender e/ou criticar.

Neste seminário, nós vamos expor o método e as principais dificuldades enfrentadas durante a construção do índice Playax, um índice de metodologia transparente que agrega sinais de popularidade provenientes de dados de fontes heterogêneas (e.g. rádios, Spotify, Youtube, Instagram, Twitter, etc) em um único número. Em particular, vamos discutir as soluções e relações de compromisso adotadas na reconciliação de sinais contraditórios e que capturam aspectos de dimensões diferentes do fenômeno de popularidade em mídias distintas. A nossa esperança, com este trabalho, é a de iniciar um processo saudável de discussão e crítica que leve eventualmente a um instrumento prático, coerente e transparente para a comparação de artistas e outros tipos de colaboração relacionados a dados de contexto musical.

Páginas

Subscribe to Próximos seminários Subscribe to Seminários passados